Notícias - Chácara Flor da Suissa - Floricultura e Garden Center - Curitiba

Flor da Suissa

Fale Conosco41 3286-4948

Flor da Suissa

Notícias


27/04/2016

Os três Pilares das Plantas

     Muitas vezes nos perguntamos: Por que essa planta morreu, mesmo eu tendo o cuidado de molhar todos os dias? Por que essas pragas sempre voltam no meu jardim interno? Por que essa planta ficou mais feia quando eu a mudei de lugar na casa?

   A resposta para essas e muitas outras perguntas relativas à saúde, beleza e manutenção de plantas está em três fundamentos, que podemos chamar de pilares para a saúde das plantas. Assim como em uma edificação, quando um desses pilares é tirado, o equilíbrio é quebrado, trazendo sempre consequências negativas. No caso da edificação, a estrutura é abalada, fazendo com que a mesma possa até cair. No caso de um ser vivo como a planta, quando um desses tripés é eliminado, a saúde dela fica prejudicada. Isso faz com que ela fique mais fraca e vá perdendo sua beleza natural enquanto tenta sobreviver. Aquele verde bonito e exuberante vai dando lugar a uma coloração mais apagada, com menos brilho e vigor. As folhas, caules e flores vão secando e caindo, conforme o tempo passa. Além disso, sem um desses pilares, a planta perde a sua resistência natural contra doenças e insetos, e começam a surgir todo o tipo de pragas para enfraquecê-la ainda mais, até chegar ao ponto de sua morte.

   O primeiro desses pilares é a luz. Todas elas precisam de uma determinada quantidade de luminosidade para viver. Plantas de sombra ou meia sombra não podem ficar no sol o dia todo, e plantas de sol pleno não podem ser cultivadas dentro de casa. Em geral, aquelas com folhas mais largas e escuras necessitam de menos luz, mas não significa que podem ficar em ambientes escuros. Já plantas com folhas claras e pequenas, as frutíferas, as floríferas, as árvores e a maioria dos bonsais exigem quantidades maiores de luz direta (do sol) para obterem energia suficiente para crescerem vistosas ou para darem seus frutos ou flores.

   O segundo pilar é a água. Cada planta também precisa de uma quantidade específica de umidade no solo. O ideal é sentir o solo com as próprias mãos ou utilizar o palito de churrasco (ver o outro artigo dessa página) para saber se é necessária a rega ou não. Se o solo estiver com aspecto seco, arenoso, é preciso molhar. Em geral, plantas internas não precisam ser molhadas com muita frequência, uma ou duas vezes por semana é o suficiente. Plantas recém plantadas e em ambientes externos precisam de água praticamente todos os dias quando não chove.

   O último pilar é a nutrição. Todas as plantas precisam de adubações frequentes para garantir sua saúde e beleza. Adubações mensais são suficientes para a manutenção desse fundamento. Além disso, o calcário pode ser aplicado uma vez a cada dois anos (200 gramas por planta de porte médio) para corrigir a acidez do solo, isso faz com que a planta aproveite melhor os nutrientes aplicados.

   Com esses três pilares em equilíbrio, a planta possui todas as condições para se manter formosa e saudável, trazendo beleza e harmonia para nossas casas e jardins.

As imagens exibidas são meramente ilustrativas. Todos os direitos reservados. Powered By Totalize Internet Studio.
Atendimento OnLine